SILÊNCIO FALADO

sexta-feira, maio 20, 2005

Descoberta na net

Silêncio falado

Caminho no escuro
Percurso nublado
Não vejo o futuro
Silêncio falado

Tons, canções e flores
Dentro de mim,
lembranças e dores.
Em algum lugar,
o passado...
recortes de um ser,
à solidão atado.

As horas desfilam
Dias e noites se vão
Sentimentos me desafiam
Não há compreensão

A ausência
Um pretexto
É turbulência
O contexto

Sem perguntas
Nem respostas
Perdi no tempo a razão...
Fui utopia
Tornei-me saudade
Hoje sou desilusão

Poema de Bruna Longobucco
posted by elisa, 10:11 < | link | 9 comments |

sexta-feira, maio 13, 2005

Cores



Foi uma amiga que me aconselhou a visita. Eu, leiga do grafismo, fiquei encantada e gostei da experiência!
Aqui fica então uma sugestão de "visita" para este fim de semana!
posted by elisa, 15:13 < | link | 4 comments |

quarta-feira, maio 11, 2005

Visitando Mr. Green



Foi ontem, no Rivoli.
Sentei-me e, juntamente com a plateia expectante, esperei pelo arrebatamento. Não o dos fogos de artifício mas o das palavras sussurradas ao ouvido, daquelas que têm entrada directa para as almas e corações.
E apesar da expectativa, aconteceu o pequeno milagre do teatro.
Quase duas horas de deixas hilariantes entre Paulo Autran (Mr.Green) e Dan Stulbach (Ross Gardiner) e uma leveza que em nada prejudicou o retrato de intolerâncias e preconceitos antigos.
O pano desceu, os aplausos rebentaram e eu fui para casa, sentindo-me viva, sentindo-me uma pessoa melhor.
posted by elisa, 09:20 < | link | 5 comments |

quinta-feira, maio 05, 2005

Momento de esperança



Tempo bis - Stéphane BULAN

"Deus dá-nos todos os dias - junto com o sol- um momento em que é possível mudar tudo o que nos deixa infelizes.
Todos os dias procuramos fingir que não nos apercebemos desse momento, que ele não existe, que hoje é igual a ontem e será igual ao amanhã. Mas, quem presta atenção ao seu dia, descobre o instante mágico. Ele pode estar escondido na altura em que enfiamos a chave na porta, pela manhã, no instante do silêncio logo após o jantar, nas mil e uma coisas que nos parecem iguais. Mas esse momento existe - um momento onde toda a força das estrelas passa por nós, e que nos permite fazer milagres."

Paulo Coelho
("Nas margens do Rio Piedra...")
posted by elisa, 09:55 < | link | 6 comments |